Informação é aqui!

Praga conhecida como Piolho de São José volta a causar danos em pomares da região

Epagri alerta para surto populacional do inseto e orienta produtores a identificarem sinais nas plantas frutíferas

Uma praga popularmente conhecida como Piolho de São José, que é semelhante a cochonilha branca, volta a causar danos em pomares de frutas de caroço na região – ele suga a seiva das plantas e causa a seca de ramos.


De acordo com o pesquisador da Estação Experimental da Epagri de Videira, Alexandre Menezes, há alguns anos o Piolho de São José tinha ocorrência isolada e seu controle era satisfatório. No entanto, nos últimos tempos, os registros de sua presença e danos têm aumentado.

Menezes fala sobre essa praga que tem ocorrido em grandes populações causando morte de plantas em nossa região.

Os sintomas são fáceis de serem reconhecidos, pois os ramos e troncos das árvores ficam revestidos por uma crosta de escama dos coccídeos. Quando a infestação é elevada e o ambiente é favorável, os galhos ficam totalmente cobertos. Os danos são provocados devido ao succionamento de seiva dos ramos e troncos e devido à introdução de toxinas, com isso a planta enfraquece e perde sua vitalidade, prejudicando a produção da cultura. 

 Menezes destaca como esta sendo realizada essa orientação e esse controle, também ao produtor saber identificar essa praga e comunicar a Epagri em caso de dúvidas.

Com informações Rádio Vitória/ RBV Rádios

Veja Também
Comentários
Carregando