Informação é aqui!

Pequeno produtor não tem direito a auxílio emergencial

O projeto de lei chegou a ser aprovado pelo congresso, mas foi vetado pelo presidente Jair Bolsonaro.

Agricultores familiares, por hora, não terão direito ao auxílio emergencial. Os deputados federais mantiveram o veto ao pagamento para quem trabalha no campo.


A ideia era liberar cinco parcelas R$600,00 para aqueles que não receberam o auxílio emergencial, o projeto de lei chegou a ser aprovado pelo congresso, mas foi vetado pelo presidente Jair Bolsonaro.

Um dos argumentos é que a proposta não informa o impacto no orçamento e que os agricultores familiares podem ser enquadrados como “trabalhador informal.

O veto teve apoio tanto dos deputados governistas com dos de oposição – com a promessa de que um outro projeto de apoio ao pequeno produtor seja apresentado em breve.

A agricultura familiar envolve mais de quatro milhões de famílias que são responsáveis por produzir, por exemplo, mais da metade da produção nacional de feijão, arroz, leite, aves e suínos.

Informação Rádio Vitória/Mais news

Veja Também
Comentários
Carregando
xxx videosxxx18xxxxvideoporn videos