Informação é aqui!

Paixão alvinegra marcada na pele

Torcedora desde criança, Rubia conta suas experiencias com o clube

O Dia do Corinthians é comemorado no dia 1º de Setembro, data da fundação do clube paulista em 1910, e neste ano comemora 110 anos. A criação da data comemorativa surgiu na intenção de homenagear o Sport Club Corinthians Paulista, pois em 1914, conquistou o seu primeiro título no campeonato paulista.

Conhecidos como “alvinegros”, eles fazem parte daquela que é a segunda maior torcida brasileira, somente sendo superada pelos torcedores do clube carioca Flamengo.

Torcedora desde criança, colecionadora de itens  e apaixonada por futebol a moradora de Videira Rubia Bondan, acompanha cada passo ou melhor cada passe do seu time do coração, e conta como tudo começou.

Rubia trás vivo na memória vários momentos e títulos que viveu ao lado do clube, relembra o titulo em 2005 sobre o Internacional que muitos ainda questionam, dizendo que foi roubado. Outro título ainda bastante discutido é o polêmico mundial de 2000.

Segundo a torcedora as superstições sempre acompanham na maioria das competições. Porém a que mais marcou foi quando invicto o time sagrou-se campeão da libertadores no ano de 2012, ela seguia o mesmo ritual em cada jogo, usava as mesmas roupas e assistia sempre na mesma posição. O título é tão importante que foi registrado e eternizado pela torcedora com uma tatuagem. 

Foto: Rubia Bondan

Em 2017 realizou um grande sonho. A família conhecendo a paixão de Rubia acabou lhe presenteando com uma viagem para a Arena Corinthians, depois de realizar um tour, acompanhou um jogo do time marcado por um gol de mão do jogador Jô.

Em 2019 outro desejo foi alcançado, Rubia foi ver de perto o Parque São Jorge que  é a sede social do  Sport Club Corinthians Paulista.

Como todo torcedor fanático, Rubia mostra sua coleção de camisas autografadas por diversos atletas que passaram pelo Corinthians tanto no futebol quanto no futsal.

 

Cartoleira de plantão a torcedora não perde um jogo do timão, se a torcida é feita por um bando de loucos, Rubia sem duvida faz parte desta loucura sadia que é o futebol.

Por ser mulher, conta que já sentiu muito preconceito em relação a sua trajetória como torcedora, mas como ela mesmo diz :

“Não é sobre vitórias e títulos é sobre ser Corinthians, uma amor que está no coração mas principalmente na alma”.

Informação Rádio Vitória/Cris Menegazzo

 

Veja Também
Comentários
Carregando
xxx videosxxx18xxxxvideoporn videos