Informação é aqui!

Juri popular acontece nesta sexta-feira em Videira

Denunciado responderá por tentativa de homicídio ocorrida em 2004

Acontece nesta sexta-feira, 14 de junho, o júri que definirá sobre a responsabilidade de Geová Antunes Rodrigues, denunciado por tentativa de homicídio contra Adilson José Lopes, no dia 06 de abril de 2004. O crime tentado aconteceu na rua José Ferlin, próximo a ponte do Lira, quando eram aproximadamente 22h e de posse de uma faca, desferiu golpes contra a vítima que estava junto de Rosane Cordeiro, ex-companheira do acusado.

Instagram Rádio Vitória

No momento do encontro, o denunciado tentou acertar com um punhal o sr. Adilson, que conseguiu desviar do golpe, mas Rosane acabou sendo atingida no braço. Ela ainda tentou acalmar os ânimos de ambos. Adilson então, correndo tentou se evadir do local, porém, por estar com mobilidade reduzida, em virtude do efeito causado por bebida alcoólica consumida naquele dia, acabou caindo sobre a via, quando foi golpeado quatro vezes por Geová, sendo na sequência socorrido pelo Corpo de Bombeiros e encaminhado para atendimento médico.

Consta ainda no processo o fato de que o denunciado agiu por motivo fútil, movido por ciúmes, já que a vítima estava iniciando um relacionamento com a sua ex-companheira, de quem havia se separado a alguns meses.

A denúncia foi recebida em setembro de 2004, mas o acusado havia saído da cidade sendo encontrado em 2014, quando foi preso. Entrando com pedido na justiça, o réu obteve a permissão para responder ao crime em liberdade.

São defensores de Geová Antunes Rodrigues, os advogados Danilo do Prado e Júlio Cesar Oltramari. O promotor é Thiago Madoenho Bernardes da Silva. O júri é presidido pela juíza Marta Regina Jahnel. Acompanham os argumentos de defesa e acusação sete jurados, para posteriormente decidirem sobre o fato. O encerramento do júri está previsto para a da tarde desta sexta-feira.

Veja Também
Comentários
Carregando