Informação é aqui!

BRF amplia oferta de telemedicina a mais de 170 mil colaboradores e familiares

A extensão do benefício da telemedicina faz parte do conjunto de medidas protetivas da BRF

A BRF, uma das maiores companhias de alimentos do mundo, ampliou o acesso ao serviço de telemedicina a mais de 170 mil pessoas em todo o Brasil, entre colaboradores e dependentes.

O atendimento era oferecido para 32 mil pessoas e, diante da boa receptividade e em linha com protocolos atuais de saúde e segurança, passa a abranger um universo ainda maior de pessoas. A extensão do benefício da telemedicina faz parte do conjunto de medidas protetivas da BRF e acontece por meio da parceria com a Teladoc Health, empresa especializada em telemedicina com presença em mais de 100 países e que já atendia a Companhia.

“O cuidado com segurança e a preservação da saúde do colaborador são valores fundamentais e inegociáveis da BRF. Em tempos de pandemia, ter a facilidade de se consultar com um médico sem sair de casa e receber um diagnóstico prévio na hora certa, sem cobrança ou coparticipação, é um benefício extremamente valioso. Continuamos com uma célula especial para atender dúvidas sobre Covid, porém, o serviço é para qualquer pessoa que precise de atendimento médico”, avalia Carlos Prestes, Diretor de Saúde e Segurança do Trabalho da BRF.

O serviço de telemedicina é oferecido via aplicativo e possibilita a realização de atendimentos médicos online por videochamada de maneira imediata ou agendada, disponíveis em regime 24/7. Durante a consulta, o médico pode prescrever medicamentos, solicitar exames, emitir atestados, acompanhar os casos sintomáticos e encaminhar ao pronto socorro, se necessário. A receita é digital e o usuário poderá fazer o download do PDF no app da Teladoc, bem como consultar todos os históricos de atendimento.

A BRF já destinou cerca de R$ 400 milhões desde o começo da pandemia em diversas iniciativas de saúde e segurança para seus colaboradores, bem como em doações para as comunidades nas quais está presente no Brasil e no exterior e, também, para ajudar em pesquisas científicas. Foram adotadas mais de 30 iniciativas de saúde e segurança de colaboradores e de toda a cadeia operacional, entre procedimentos, equipamentos de proteção, adequação das estações de trabalho, aumento da frota de transporte, reforço de equipes e outras medidas protetivas.

 

Informações: Assessoria de comunicação BRF

Veja Também
Comentários
Carregando