Informação é aqui!

Ampliação de Master gera empregos e promove a economia local

Na tarde de ontem foi oficializado o lançamento da nova unidade

Esta quarta-feira (10) marcou a história da Master Agroindustrial. Um evento acontecia no final da tarde de ontem para formalizar o lançamento da nova unidade de abate da empresa, que está ganhando força no mercado e cenário nacional.

A Master é constituída por sete granjas, três fábricas de rações, uma indústria de alimentos e, agora, uma unidade de abate e processamento. Estrutura que a coloca em primeiro lugar quando o assunto é produção individual de suínos no Brasil.

A alta demanda gerada no abate e processamento fez com que a empresa buscasse novos horizontes, investindo em um momento difícil para a economia brasileira, no entanto, que não foi um fator limitador, como explica o diretor-superintendente Mário Faccin.


Não apenas no que diz respeito à empresa, mas à população catarinense e aos moradores do Alto Vale do Rio do Peixe, já que, economicamente, propulsiona o Estado e abre as portas para a geração de empregos na região, como pontua o prefeito de Videira, Dorival Borga.


O setor de Recursos Humanos está captando os colaboradores que vão trabalhar no setor. Conforme Mario, o SINE será utilizado para o recrutamento de 750 colaboradores, entre cargos diretos e indiretos.


A n
ova unidade deve começar as operações em janeiro de 2019. Inicialmente abaterá 750 suínos ao dia, mas a perspectiva é de que em três anos já trabalhe com o abate de 3.000 animais por dia.

Veja Também
Comentários
Carregando